Alqueva, uma nova
terra de oportunidades

Terrenos disponíveis

Com o objetivo de promover o regadio e contribuir para a dinamização agrícola
de Alqueva, a EDIA está a proceder à caracterização exaustiva das áreas
regadas e não regadas de todos os blocos de rega em exploração.
Desta forma, são identificadas todas as situações de disponibilidade
dos beneficiários regantes e não regantes para possíveis atos de venda,
arrendamento, parceria ou permuta.
A EDIA dispõe de uma base de dados sobre as áreas disponíveis
que pode facultar aos interessados.

Notícias Recentes

EDIA coordena retirada de peixes em albufeiras do Alentejo

A remoção de peixes para evitar a degradação da qualidade da água, foi uma das medidas aprovadas pela Comissão de Gestão de Albufeiras e da Comissão Permanente de Prevenção, Monitorização e Acompanhamento dos Efeitos da Seca.

EDIA implementa medidas de combate à seca climatérica

Os agricultores que desejem obter acesso à água para fins de abeberamento de gado ou para rega de emergência podem dirigir-se à sede da EDIA, em Beja, ou às delegações dos diferentes perímetros de rega para procederem à sua inscrição.

Alqueva garante reforço de água aos perímetros confinantes, mas há regras

A EDIA garante o reforço do fornecimento de água a TODOS os perímetros de rega confinantes com Alqueva, desde que o respetivo pedido seja efetuado com a antecedência mínima de acordo com o caudal que em cada caso o sistema pode garantir.

Alqueva, novo bloco de rega em Vila Nova de São Bento

Cerca de 2 800 hectares para novo regadio de Alqueva, em Vila Nova de São Bento, concelho de Serpa, vão entrar em consulta pública. Trata-se de uma nova área de Rega de Alqueva, inserida no plano de expansão, que irá beneficiar 423 prédios rústicos.

Alqueva | Um projeto EDIA 2017 | Todos os direitos reservados.