Alqueva, uma nova
terra de oportunidades

Novas culturas

Com a implementação de 120 000 hectares de regadio em Alqueva
são criadas as condições para se levar a cabo uma alteração dos sistemas
culturais praticados, nomeadamente através da introdução de novas culturas.
Neste momento, assiste-se ao desenvolvimento de novos projetos em Alqueva
com um grande leque cultural: olival, fruteiras, hortícolas, horto-industriais,
medicinais, cereais de regadio, pecuária, proteaginosas, oleaginosas
e especiarias.
A EDIA tem apoiado ativamente os referidos projetos, contribuindo
para a criação de condições para o seu sucesso.
O caso do projeto de produção e transformação da papoila, promovido
por um grupo investidor do Reino Unido, implementado na região
é um exemplo paradigmático desta atuação.

Notícias Recentes

Cooperação e Escala na Fruticultura Portuguesa em Beja | 16 de maio

Um dia de formação com um painel de discussão centrado em casos de sucesso de produção frutícola em cooperação e em escala, a ter lugar no dia 16 de maio, em Beja, numa organização do Centro de Frutologia Compal e EDIA.

Preço da água baixa em Alqueva

O novo tarifário em vigor representa uma descida que chega a atingir os 33%, nomeadamente na adução a perímetros de rega confinantes, onde a água de Alqueva é fundamental em anos de seca para garantir as atividades agrícolas.

Anuário Agrícola de Alqueva 2016 já está diponível

Nas cerca de 170 páginas, está sistematizada a informação das várias culturas, a sua rentabilidade económica, bem como a análise às tendências variáveis de mercados nacionais e internacionais.

Centro de Frutologia Compal Abertas candidaturas da Academia 2017

Em colaboração com a EDIA, o Centro de Frutologia Compal realiza uma sessão de divulgação da Academia 2017, no dia 20 de fevereiro, pelas 15 horas, no auditório da EDIA.

Alqueva | Um projeto EDIA 2017 | Todos os direitos reservados.